Dicas

Dicas para não errar na escolha do vinho

14 de setembro de 2018

Oi meus amores.

Quem nunca escutou por aí que uma taça de vinho diariamente pode trazer benefícios ao coração? Estudos indicam que esse hábito pode aumentar os níveis do bom colesterol e proteger as artérias.  O consumo moderado de vinho também pode reduzir o risco de deficiência visual a longo prazo, segundo aponta pesquisa realizada na Universidade de Wisconsin, nos Estados Unidos.

Vinhos são bem-vindos durante todo o ano. Eles são ricos em polifenóis, que são potentes antioxidantes e responsáveis pela ação anti-idade. Os polifenóis do vinho bloqueiam a ação da colagenase e da elastase e, também, melhoram a microcirculação e a hidratação da pele. Por isso, é fácil entender porque as pessoas com mais de 40 anos, assim como eu, têm o hábito de beber vinho. Os benefícios dessa bebida são inúmeros.

Para quem tem dúvidas como armazenar o vinho, especialistas apontam que a temperatura ideal para conservar as mais diversas garrafas gira em torno de 13°C e o ambiente deve ter a temperatura constante, sem grandes oscilações. As garrafas devem ser conservadas na horizontal,.

O consumo ideal aconselhado é de 30 g de álcool por dia para homens e 15 g para mulheres. Estes números podem mudar dependendo da idade, condições de saúde, entre outros fatores.

 

Separei abaixo algumas dicas para você não errar na escolha do vinho. Espero que goste e deixe também a sua dica aqui nos comentários.

Confira as dicas:

* Para escolher um bom vinho você deve sempre se basear na ocasião em que ele será servido. Vinhos brancos, rosés e espumantes são muito associados ao verão e celebrações. Os tintos são bastante consumidos em dias mais frescos e acompanhados por refeições. Já os  doces e licorosos sempre combinados à sobremesas.

* Encontrar um bom local para a compra é tão importante quanto saber escolher o vinho. A bebida não pode ser armazenada em condições inadequadas e exaustivamente exposta à luz (solar ou artificial).

* Leia os rótulos, pois eles são ferramentas que vão te ajudar a entender como escolher um bom vinho.

* Existe um mito, que diz que todo vinho bem pontuado é extremamente caro e isso não é verdade. É possível achar vinhos conceituados a preços bem interessantes. Dizem que quem procura acha, então… procure.

* Outro mito que temos que estar atentos é aquela velha máxima “quanto mais velho, melhor”. Isso só funciona para os chamados vinhos de guarda, isto é, aqueles elaborados para consumo nos próximos 20 a 30 anos. Observar a safra é de extrema importância, pois a maioria dos vinhos produzidos atualmente — sejam eles brancos, tintos ou rosé — são feitos para serem degustados enquanto jovens.

* A cada vinho provado é importante registrar suas impressões. Esta é uma excelente maneira de não esquecer as características das bebidas que você mais e menos gostou.

Comentários pelo Facebook

Confira Também

Nenhum Comentário

Deixe uma Resposta

*